Movimento “Escola Sem Partido” e simpatizantes divulgam notícias enganosas sobre o Colégio Pedro II e criam bolha de desinformação

Nessa última semana, o Colégio Pedro II realizou eleições para seu Conselho Superior (Consup), o órgão máximo da instituição junto à reitoria. O Consup representa integrantes do corpo docente, de estudantes, dos técnicos do colégio, do Conselho de Dirigentes, um representante do MEC, dos estudantes egressos da instituição e, por fim, dos responsáveis legais de alunos. De um universo de 45 representantes titulares e suplentes, 7 compreendem os responsáveis legais.
Após os resultados da eleição algumas notícias começaram a circular com ajuda da página do “Escola Sem Partido” e simpatizantes – como a autointitulada “psicóloga cristã” Marisa Lobo – de que um grupo de pais favoráveis ao “escola sem partido” e contra a “doutrinação ideológica” teria conseguido “vencer todos os cargos [do conselho]”. Figuras como o deputado federal Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) se manifestaram abertamente em favor do resultado. Assim começou a crescer a bolha de desinformação.
No entanto, o fato é que muito pouco do que foi vinculado faz realmente sentido. Primeiro, os responsáveis de alunos correspondem a apenas uma parcela do Consup, mesmo que todos os novos representantes fossem favoráveis ao “escola sem partido” isso não significa que o Conselho do Colégio agora é totalmente composto de partidários do movimento. Segundo, apenas um dos novos representantes é identificado como expressamente favorável ao “escola sem partido”, enquanto isso, os demais representantes eleitos estão sendo associados a um movimento com o qual eles não necessariamente coadunam.

Curiosamente, nesse ínterim temos o envolvimento do já mencionado deputado Sóstenes Cavalcante ajudando na divulgação dessa suposta “vitória”. Mais estranho ainda é que o parlamentar se manifestou a respeito da questão em um vídeo compartilhado não pelos canais de comunicação oficiais do seu mandato, mas por uma página do Facebook denominada Pais do Col. Pedro II Contra Ideologia de Gênero e Doutrinação dos Alunos, um grupo organizado de responsáveis do CPII de adeptos do “escola sem partido” que, apesar de condenarem a partidarização das escolas, não parecem se incomodar com a presença do deputado nessa discussão. Parece que, com o passar do tempo, a parte do “sem partido” está deixando de ser uma prioridade.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s